Viciei-me em encontros infiéis – Conheça o testemunho do Pedro

Viciei-me em encontros infiéis - Conheça o testemunho do Pedro

“Viciei-me em encontros infiéis ” é o testemunho do Pedro, um dos membros da nossa comunidade, que hoje resolveu partilhar connosco a sua história.

De forma a que todos os dados que o possam identificar se mantenham privados, os mesmos foram alterados. Conheça o seu testemunho de seguida.

Viciei-me em encontros infiéis – O testemunho do Pedro

“Boa tarde, o meu nome é Pedro, tenho 34 anos, sou casado há cerca de 5 anos e sou viciado em encontros infiéis.

É importante salientar antes de tudo, que amo a minha mulher e não me imagino a viver sem ela, contudo, ter encontros pontuais com outras mulheres é algo que definitivamente não consigo evitar.

Pois bem, sou um homem infiel desde que me lembro. Nunca consegui ter um relacionamento estável sem que houvesse pelo menos uma traição pelo meio.

Contudo, quando conheci a Cláudia, tentei parar de ver outras mulheres, mas não consegui. Estamos juntos há mais de 7 anos, e não consigo sequer contar as vezes que já a trai.

Como é óbvio, a minha mulher não sabe, nem sequer desconfia deste meu vício, mas sei que se um dia ela descobrir, não me vai perdoar.

Quando me registei neste site de relacionamentos extraconjugais, tinha apenas como principal intuito conhecer uma mulher e ter sexo sem compromisso uma única vez.

No entanto, como sempre os meus planos acabaram por sair furados. Tal como disse anteriormente, os encontros infiéis são o meu vício (tal como existem pessoas que têm o vício de fumar).

Em 3 meses, já falei com dezenas de mulheres diferentes e já tive pelo menos 6 encontros extraconjugais. Por muito que tente, não consigo parar!

Existem mulheres tão lindas no mundo e que querem ir para a cama comigo, como é que eu posso dizer que não.

Cada mulher com que vou para a cama, é uma nova experiência, uma fantasia diferente, uma excitação que não tem comparação.

Acreditem quando vos digo que traiu a Cláudia não é por falta de sexo, até porque a nossa vida sexual é bastante animada e irreverente e os orgasmos são constantes.

Principalmente, acho que é porque a excitação e a possibilidade de vir a ser apanhado me dá prazer.

Como é óbvio, sei que um dia irei precisar de parar com estes encontros ou pelo menos diminuir a frequência dos mesmos, contudo, não será por agora… Existem muitas mulheres à procura de um homem como eu… ”

Este foi o testemunho do Pedro, que admite ser viciado em encontros infiéis. O que acha do mesmo? Também tem este vício?

Se quiser compartilhar connosco a sua história, sinta-se há vontade pois todos os dados e nomes são alterados de forma a manter a sua privacidade.

Leave A Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *